Data de Hoje
30 November 2021

“Não existe nenhum embargo”, diz Neto sobre dividir palanque com Pinheiro

Cauteloso, o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), trata ainda a possibilidade de dividir futuramente o mesmo palanque com o senador Walter Pinheiro como “especulações da imprensa”, mas o líder oposicionista ao governo petista na Bahia não descarta a possibilidade de compor com o senador, que deverá anunciar nos próximos dias a saída do PT. Pinheiro articula com o PDT a sua nova filiação partidária.  

“Não existe nenhum embargo para que o diálogo aconteça entre várias correntes políticas. Ninguém tem bola de cristal para saber como vai ser a configuração futura da política baiana”, afirmou o democrata, em entrevista ao Bocão News durante evento que oficializou a candidatura de Salvador para o título de “Cidade da Música”, organizado pela Unesco.

Além de não ver aliança como uma coisa impossível de acontecer, principalmente no tabuleiro da política baiana, estado onde ex-carlistas, por exemplo, são hoje aliados fieis dos petistas baianos, politica de alianças capitaneada pelo então governador Jaques Wagner (PT) que costumava dizer que a fórmula do sucesso na política era “sempre abraçar e não empurrar”.

“Reconheço o senador Walter Pinheiro como um homem público de muita qualidade, um senador importante para a Bahia e um quadro que, legitimamente, pode dialogar”, disse.

Apesar de o PT afirmar que esse assunto não está sendo tratado internamente, a saída de Pinheiro da legenda tem deixado petistas apreensivos nos últimos dias. A perda de um senador e um dos quadros considerado mais sério e competente de uma legenda abala qualquer estrutura.

Facebook Comments