Data de Hoje
18 September 2021
Foto: Reprodução

Neto defende posição do DEM sobre impeachment de Temer

O prefeito ACM Neto defendeu, na manhã desta quinta-feira (7), a posição do seu partido, o Democratas, de recusar indicar nomes para a comissão que analisará o pedido impeachment contra o vice-presidente Michel Temer (PMDB).

O líder do DEM na Câmara, deputado federal Pauderney Avelino (AM) afirmou nesta quarta-feira (6) que a bancada só indicará seus representantes para a comissão especial destinada a analisar o pedido de impeachment do vice após o plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) decidir sobre o assunto.

Há hoje na Corte entendimentos divergentes sobre o impedimento de Temer. O ministro Celso de Mello negou pedido do deputado Cabo Daciolo (PTdoB-RJ) para desarquivar um pedido de inclusão do vice-presidente no processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff (PT), que tramita na Câmara dos Deputados. A decisão é totalmente contrária à do ministro Marco Aurélio Mello, que na segunda-feira mandou Cunha abrir processo de impeachment contra Temer.  

Para Neto, o melhor neste momento é esperar uma posição final do Supremo para depois o DEM indicar os nomes ou não para a comissão. “O Democratas agiu com sensatez. Se já existe dois pronunciamentos em sentido contrários, então, é preciso aguardar que o colegiado possa dizer qual será o caminho”, disse, durante a inauguração do Centro Unificado de Inclusão, Desenvolvimento, Assistência e Referência Social (Cuidar), no Comércio.

Por Bocão News
Facebook Comments