Data de Hoje
3 August 2021

'Novo Bahia': Tricolor terá sete mudanças em relação ao último jogo na Série A

'Novo Bahia': Tricolor terá sete mudanças em relação ao último jogo na Série A

Foto: Léo Gago é uma das novidades | Divulgação

Alguns treinadores costumam dizer que mudar uma ou duas peças na equipe titular pode influenciar diretamente no rendimento da equipe. Imagine mudar sete peças de uma vez só? Pois bem. Na noite desta quarta-feira (16), contra o São Paulo, o treinador do Bahia Marquinhos Santos terá praticamente uma nova equipe diante do tricolor paulista.

Jogadores considerados titulares, suspensos, não podem jogar. Outros, contratados ou recuperados de lesão, estão mais uma vez à disposição do comandante. Os motivos são vários para justificar a série de modificações feitas pelo Bahia.

Com relação ao time que perdeu para o Sport no último jogo antes da pausa para Copa do Mundo, no dia 4 de junho, na Ilha do Retiro, serão nada mais, nada menos, que sete alterações entre os onze que começarão a partida desta noite, contra o São Paulo, às 22h.

Na defesa, por exemplo, serão três. Marcelo Lomba e Roniery, suspensos, não jogam e serão substituídos por Douglas Pires e Diego Macedo. A última novidade do setor é a presença de Guilherme Santos na vaga do jovem Pará.

As séries de mudanças não param. Titulares naquela ocasião, Rafael Miranda e Emanuel Biancucchi serão apenas opções no banco de reservas para o decorrer da partida, enquanto Uelliton, recuperado de lesão, e Léo Gago, contratado, devem iniciar a partida.

No setor ofensivo a história não é diferente. Anderson Talisca, negociado para o futebol português, e o atacante William Barbio, por opção do treinador, não entram campo. Rhayner, após uma séria lesão na coluna, e Branquinho serão os contemplados com uma nova oportunidade de iniciar um jogo pelo Brasileirão.

A modificação não está apenas nas peças, mas também na formatação da equipe. O Bahia vai entrar com três volantes, e não mais dois, para aumentar a estabilidade defensiva e ao mesmo tempo dar mais liberdade aos laterais.

Facebook Comments