Data de Hoje
16 June 2021

Pastor afirma que estuprou menino de 10 anos pela “glória de Deus”

Na tarde desta última segunda-feira (17) um homem de 52 anos que alegou ser pastor evangélico foi preso após estuprar um menino de 10 anos em troca de videogame e chinelo em Campo Grande. De acordo com o delegado Reginaldo Salomão da Polícia Civil, o pastor relatou que estuprou o menino pela “glória de Deus”. O crime ocorreu na casa da avó da vítima no bairro Buriti na região oeste da cidade. O garoto havia sido deixado pelos pais na casa da avó, já que eles não poderiam ficar com a criança durante o dia por terem que ir trabalhar. Um primo de 23 anos flagrou o homem cometendo o abuso e em seguida acionou a polícia. A criança passou por exame de corpo de delito que confirmou o estupro. O delegado informou que o acusado não demonstrou arrependimento e que o pastor já havia sido preso pelo mesmo crime. Ele estava em liberdade condicional desde agosto de 2014 e tinha ficado 14 anos preso por esse crime. O homem que é tio-avô do menino foi preso e autuado em flagrante. O caso foi encaminhado à Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA).

Fonte: P. P

Facebook Comments