Data de Hoje
21 September 2021

Paulo Afonso: Oi e Tim são líderes de reclamações

As operadoras Oi e Tim lideraram o número de denúncias e reclamações registradas pela população de Paulo Afonso, durante passagem da CPI da Telefonia pela cidade, nesta quinta-feira (15). Créditos descontados da telefonia móvel, problemas com sinal e cobranças indevidas pelas operadoras estão entre as reclamações mais frequentes. As denúncias foram feitas em um stand montado na Avenida Getúlio Vargas, centro da cidade. Cliente da Tim, a vendedora externa Gleiciana Rocha reclamou da falta de sinal da operadora e a dificuldade que encontra para entrar em contato com seus clientes. “Pagamos caro pelo plano oferecido pela operadora e, no entanto, temos dificuldade de entrar em contato com os nossos clientes. Dependemos dos serviços de telefonia para vender e em muitos momentos ficamos incomunicáveis”, reclama. Quem também esteve no stand, e registrou sua indignação com a operadora Oi, foi o empresário Toni Ferreira. Segundo ele, os valores pagos pelos planos de telefonia fixa e Internet não condizem com a qualidade dos serviços. “Pagamos três vezes mais que o valor cobrado em outras cidades, a exemplo de Feira de Santana e não temos um serviço de qualidade. Espero que a partir desta CPI tenhamos uma melhoria, ao menos no sinal das operadoras”, completa. Relator da CPI da Telefonia, o deputado Joseildo Ramos (PT) acompanhou, durante todo o dia, as reclamações da população. Segundo o parlamentar, o contato direto com os moradores das mais diversas regiões vai ajudar no diagnóstico da situação do setor na Bahia, classificada por ele como caótica. “A participação da população de todos os cantos do estado é fundamental porque vai nos proporcionar um raio-x da situação. Do que vimos até aqui, posso afirmar que o consumidor baiano está sendo “torturado” com tamanho descaso”, criticou. Na Câmara de Vereadores, uma audiência pública discutiu os problemas do setor no município e reuniu membros da Comissão de Inquérito como o próprio relator e o deputado Mário Negromonte Jr. (PP), vice-presidente da CPI, além de representantes do Ministério Público, PROCON e da operadora Tim. Jequié será a próxima cidade visitada pela CPI da Telefonia Itinerante.

Facebook Comments