Data de Hoje
24 September 2021
Piscina olímpica de Salvador será entregue no dia 28 de março (Foto: Elói Corrêa / Divulgação / Setre)

Piscina olímpica de Salvador vai ser inaugurada no dia 28 de março

Equipamento foi prometido em 2009 e custou mais de R$ 15 milhões. Inauguração não será de obra completa, e sim da piscina: terceira etapa ainda vai ser licitada

Enfim, está confirmada a data de inauguração da piscina olímpica de Salvador, o Centro Olímpico de Natação da Bahia. Prometida, em 2009, a obra será entregue à população no dia 28 de março, às 19h, em um evento que vai contar com apresentação da Seleção Brasileira de Nado Sincronizado, segundo informações da assessoria de imprensa da Setre (Secretaria do Trabalho, Emprego Renda e Esporte). Antes disso, a partir das 15h, serão realizadas competições no local, com a participação de 120 a 150 alunos de natação de até 12 anos. 

Durante audiência da Comissão Especial de Desporto, Paradesporto e Lazer da Assembleia Legislativa da Bahia, realizada nesta quarta-feira, o titular da Setre, Álvaro Gomes, destacou o investimento realizado na obra e a entrega da estrutura.  

– Nas duas primeiras etapas da obra o Centro Olímpico de Natação recebeu investimento superior a R$ 15 milhões. No país, só temos igual o Parque Maria Lenk, no Rio de Janeiro, construído para os Jogos Pan-Americanos. O centro será um equipamento de grande importância para o desenvolvimento da natação em nosso estado – afirmou.  

Entretanto, a inauguração não será da obra completa: apenas a piscina será entregue. Falta ainda a licitação para a terceira e última etapa, que prevê a construção de arquibancadas para 800 pessoas; vestiários para atletas; módulos de apoio técnico e administração; sanitários para o público e estacionamento com 72 vagas (com área para ônibus). Para usar o espaço, terão que ser erguidas estruturas provisórias.

HISTÓRICO

O projeto da piscina olímpica foi lançado em 2009 pelo Governo do Estado. A ideia surgiu como uma alternativa ao projeto da Vila Olímpica, que deveria ser erguida nas proximidades do estádio de Pituaçu. A promessa inicial era de que as obras começassem em dezembro de 2010 ou janeiro de 2011, com previsão de entrega em seis meses. No entanto, o contrato com a empresa vencedora da licitação foi divulgado no Diário Oficial do Estado somente em outubro de 2012.

Um dos motivos para a demora no início da construção foi a necessidade de alterar o projeto inicial. A piscina de aquecimento foi incluída, a piscina principal recebeu ajustes para se adequar ao padrão internacional, arquibancadas foram requisitadas e houve aumento do número de vagas de estacionamento de 28 para 72 (com previsão de uma área para ônibus).

O prazo para a empresa terminar o projeto era de 300 dias, mas as obras ficaram paralisadas por dois meses no final de 2013 por falta de repasse de verbas entre as construtoras.

Por Globo Esporte
Facebook Comments