Data de Hoje
30 November 2021

Policial e mulher ficam feridos em briga em boate do Rio Vermelho

Casal discutiu com frequentadores da Pink Elephant. Seguranças se envolveram na confusão e trocaram socos com ele

Um policial civil de Goiânia, Juliano Adorno Maia, 31, e a companheira dele ficaram feridos após se envolverem em uma confusão na boate Pink Elephant, no bairro do Rio Vermelho, na madrugada desta sexta-feira (7).

De acordo com o delegado Roberto César Nunes, da Central de Flagrantes, uma discussão entre o casal e um dos frequentadores da boate terminou com diversos objetos quebrados no local. Juliano tinha deixado a arma no cofre do estabelecimento.

Segundo o delegado, durante a confusão, três seguranças da Pink Elephant tentaram intervir e acabaram trocando socos com o policial. A mulher do policial, que não foi identificada, também ficou ferida durante a briga.

Casal discutiu com frequentadores da Pink Elephant. Seguranças se envolveram na confusão e trocaram socos com ele.

Juliano, que estava com o rosto ensaguentado, e a mulher foram encaminhados para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) dos Barris. Em seguida, o casal foi levado, junto com os três seguranças da boate envolvidos na confusão para a Central de Flagrantes.

O grupo foi ouvido pela polícia e liberado em seguida. Como houve agressão de ambas as partes, um termo circunstanciado foi lavrado sobre o caso, e encaminhado para a 7ª Delegacia (Rio Vermelho).

Em contato com o Correio, a assessoria da Pink Elephant negou que os seguranças da boate tenham agredido os clientes. Ainda segundo a casa de shows, a discussão ocorreu entre o policial e outro cliente e os seguranças agiram para encerrar a briga.

A titular da 7ª Delegacia, Jussara Souza, também foi procurada, mas a delegada informou que ainda não tinha recebido o termo circunstanciado sobre o caso até as 12h de hoje, e ainda não tinha informações para divulgar sobre o ocorrido.

Por: Bruno Wendel e Louise Lobato

Facebook Comments