Data de Hoje
28 October 2021
Foto: Arquivo Click Notícias

Postos de Saúde iniciam campanha de vacinação contra H1N1 ainda este mês

Assim como o Zika vírus, uma das maiores preocupações da saúde pública nacional, a Influenza H1N1 também vem assustando médicos e causando grande procura por vacinas nos postos de saúde. No Brasil, já são mais de mais de 300 casos registrados só esse ano, com 46 mortes. Em Salvador, foram contabilizados até o mês de março, cerca de 10 casos com uma morte confirmada.

O número de casos é bem maior comparado com o ano de 2015. Devido a isso, a SESAB inicia no dia 30 de abril, campanha de vacinação contra o Influenza H1N1. Os medicamentos serão disponibilizados em todos os postos, unidades básicas de saúde e unidades básicas de saúde da família, com atenção maior em idosos e crianças. A campanha vai até o dia 20 de maio.

Entenda a doença:

A gripe H1N1 consiste em uma doença causada por uma mutação do vírus da gripe. Também conhecida como gripe Influenza tipo A ou gripe suína, ela se tornou conhecida quando afetou grande parte da população mundial entre 2009 e 2010. Por ser denominada de gripe suína, na época, muitas pessoas tiraram conclusões precipitadas sobre a doença e evitaram comer carne de porco. Logo depois foi confirmado que a gripe não tinha ligação com o consumo de carne, sendo chamada apenas de Influenza H1N1.

Sintomas:

Os sintomas são semelhantes aos da gripe comum, mas com alguns detalhes específicos. Nota-se também febre repentina e alta (acima de 38°C), dor de garganta, dor de cabeça, dores musculares, dores nas articulações, coriza e falta de apetite. Sintomas respiratórios, como tosse, também são percebidos. Dependendo do caso, o paciente pode ter ainda diarreia e vômitos.

Felipe Freaza/Click Notícias

Facebook Comments