Data de Hoje
16 June 2021

Prefeitura entrega 15 novas estações geotécnicas para reduzir risco em encostas

A Prefeitura de Salvador entregou, nesta terça-feira (8), 15 equipamentos instalados em áreas de risco da capital, que compõem o Projeto RedeGEO (Estações geotécnicas). A solenidade ocorreu no bairro de Jardim Nova Esperança, na capital baiana.

Os novos equipamentos, chamados de PCDs Geotécnicas (Plataformas de Coleta de Dados Geotécnicas), trazem como inovação a junção de pluviômetros e sensores de umidade do solo no mesmo console, com o objetivo de monitorar o risco de deslizamentos em encostas urbanas e aprimorar os alertas de prevenção dos impactos de risco de deslizamentos.

Os 15 PCDs foram instalados nas seguintes localidades: Brotas, Engenho Velho de Brotas, Lapinha, Fazenda Grande do Retiro (Calafate) Pernambués, Pirajá, Plataforma, Novo Horizonte, Cajazeiras VII e VIII, Sete de Abril, Jardim Nova Esperança, Sete de Abril, Doron e Pau da Lima.

O monitoramento de risco climático, realizado pelas estações geotécnicas, está entre as inovações tecnológicas prioritárias da gestão do prefeito Bruno Reis e que vem sendo empregadas nas políticas de redução de desastres.

“Este é mais um passo dado pela Prefeitura, em parceria com o Cemaden, para dotar Salvador de uma rede de monitoramento do clima capaz de antecipar eventos, emitir alertas e preservar vidas”, afirmou o prefeito.

O diretor geral da Codesal, Sosthenes Macêdo, ressalta que “as estações geoténicas vão colaborar com as atividades preventivas da Defesa Civil de Salvador, ampliando a precisão na emissão de alertas de risco de deslizamentos por meio do monitoramento da umidade de solo das encostas e antecipar as ações de mitigação dos impactos socioambientais pela Codesal”.

Muita informação

Foto: Valter Pontes/Secom PMS

Facebook Comments