Data de Hoje
25 February 2024
Foto: Gilberto Jr

Presidente do TJ-BA defende união dos desembargadores e diáloga com entidades

A nova presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), desembargadora Maria do Socorro, eleita, nesta sexta-feira (20), defendeu a união dos integrantes da Corte e uma maior abertura do diálogo com as entidades, como os sindicatos.

“É uma grande responsabilidade (…). Quero contar com a colaboração dos meus colegas. O presidente não é dono do tribunal, o dono somos todos nós. Por conta disso, preciso da colaboração dos meus colegas. Vou ser uma presidente carente, porque vou precisar de muitas entidades, vou precisar ouvir todos”, disse a desembargadora após a eleição, em entrevista coletiva.  

A nova presidente disse ainda que irá realizar estudos sobre a situação do Judiciário baiano a fim de melhorar a prestação jurisdicional. “Depois de analisarmos bem, iremos tomar todas as medidas”, afirmou.

Eleição

Maria do Socorro foi eleita em segundo turno com 33 votos. O desembargador Jose Olégario ficou em segundo lugar com 20 votos. Um integrante da Corte votou em branco.

Perfil

A desembargadora Maria do Socorro nasceu na cidade de Coaraci, no interior da Bahia. Graduou-se em Direito, em 1978, pela Universidade Católica de Salvador. Ingressou na magistratura em 1982 e foi promovida a desembargadora em 2007. Já foi vice-presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) e atualmente integra a Seção Cível de Direito Público e a Terceira Câmara Cível.

Por Bocão News