Data de Hoje
12 May 2021
Por conta da paralisação, alunos das redes estaduais e municipais ficaram sem aula (Foto: Reprodução)

Professores municipais e estaduais fazem paralisação de 48h

Os professores municipais e estaduais da Bahia deflagraram uma paralisação de 48 horas a partir desta quarta, 13. De acordo com o sindicato da categoria (APLB), o ato faz parte de uma campanha nacional contra o Projeto de Lei Complementar (PLC) 257, que, segundo eles, “retira direitos dos trabalhadores públicos”.

A entidade diz que o PLC 257/2016 acaba com concursos públicos, congela salários, regras da Previdência Social e amplia a terceirização. O projeto está em tramitação na Câmara dos Deputados.

A assessoria da Secretaria Municipal de Educação (Smed) não foi localizada por meios dos telefones fixos e celulares dos assessores para falar sobre a paralisação.

Já a Secretaria Educação de Educação (SEC) ressaltou que o movimento é “desencadeado pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE)” e que “respeita o direito de organização e de manifestação dos trabalhadores da educação”.

Por A Tarde
Facebook Comments