Data de Hoje
24 September 2021

Professores rejeitam proposta e marcam nova paralisação

 

650x375_professores-rede-municipal_1527883

 

Os professores municipais rejeitaram a proposta de reajuste apresentada na segunda-feira, 8, pela prefeitura de Salvador, de 6,41%, em assembleia realizada nesta terça-feira, 9. A categoria reafirmou a pedida de 13,01%.

De acordo com a diretora de imprensa do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB), Rose Aleluia, uma nova paralisação de 48h foi programada. "Próxima terça-feira e quarta-feira vamos parar novamente", disse.

"Essa foi apenas a 1ª proposta da prefeitura, vamos continuar negociando à espera de uma nova oferta", disse Rose.

 

Ainda segundo a diretora, na terça-feira, 16, uma nova assembleia da categoria será realizada, dessa vez no Ginásio dos Bancários, às 10h. Pela tarde, a categoria vai se concentrar em frente à Câmara de Vereadores.

Os professores municipais rejeitaram a proposta de reajuste apresentada na segunda-feira, 8, pela prefeitura de Salvador, de 6,41%, em assembleia realizada nesta terça-feira, 9. A categoria reafirmou a pedida de 13,01%.

De acordo com a diretora de imprensa do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB), Rose Aleluia, uma nova paralisação de 48h foi programada. "Próxima terça-feira e quarta-feira vamos parar novamente", disse.

"Essa foi apenas a 1ª proposta da prefeitura, vamos continuar negociando à espera de uma nova oferta", disse Rose.

 

 

Facebook Comments