Data de Hoje
24 April 2024

Programa de TV vaza áudio que dá mais detalhes do caso de estupro envolvendo Daniel Alves

Atleta está preso desde o último dia 29 de janeiro na Espanha

O jogador Daniel Alves, que está preso desde o último dia 29 de janeiro, na Espanha, teve um novo pedido de Liberdade provisória negado pela Justiça de Barcelona. E a situação pode ficar ainda mais complicada para ele, porque o programa de TV espanhola ‘Ana Rosa’ tornou público o primeiro relato da suporta vítima de estupro, nesta quinta-feira (11).

 

A gravação foi feita por meio da câmera de um dos primeiros policiais no momento em que chegaram no local onde teria acontecido o caso. O dispositivo foi acionado por acidente às 04h57, quando os policiais iam até o lugar. Quando chegaram, os agentes conversaram primeiro com o dono do estabelecimento e, quatro minutos depois, a jovem contou sua versão do que houve no banheiro.

 

“Fui voluntariamente ao banheiro e, após darmos alguns beijos, disse que queria ir embora, mas ele [Daniel Alves] disse que não. Ele começou a me dizer coisas desagradáveis, como ‘você é minha vadia’ e começou a me bater. Ele jogou minha bolsa no chão e me bateu”, relatou.

 

A moça também demonstrou medo, por achar que ninguém acreditaria em sua palavra. “Não quero que o que aconteceu seja divulgado, ninguém vai acreditar em mim porque vão ver que entrei no banheiro voluntariamente”, continuou a jovem, que chorava durante a conversa.

Até o momento, o Ministério Público indica que Daniel Alves deve enfrentar um crime de agressão sexual com penetração, que consta no artigo 179.º do Código Penal. Ele tem previsão de detenção de quatro a 12 anos.