Data de Hoje
5 August 2021
foto reprodução

PSDB decide permanecer no governo de Michel Temer

O PSDB decidiu na noite desta segunda-feira (12) que irá permanecer na base do presidente Michel Temer (PMDB). A reunião contou com a presença da executiva nacional e de outras lideranças do partido. Em seus discursos, os tucanos disseram que não podem desembarcar agora do governo por conta das reformas da Previdência e trabalhista.

Estiveram presentes, além do prefeito João Dória, de São Paulo, e outros nomes fortes da legenda, os quatro ministros da sigla – Bruno Araújo (Cidades), Antônio Imbassahy (Secretaria de Governo), Aloysio Nunes (Relações Exteriores) e Luislinda Valois (Secretaria de Direitos Humanos).

De acordo com o Estadão, deixar o governo agora, para o PSDB, significaria ver o DEM ficar mais forte, já que com a queda de Temer, Rodrigo Maia (DEM), assumiria a Presidência, o que elevaria o cacife eleitoral do partido dele para 2018.

Facebook Comments