Data de Hoje
13 June 2021

Regulamentação de mototáxi em Salvador será avaliada

Após nove meses de intensos debates, o projeto de lei para regulamentar a atividade dos mototaxistas de Salvador foi finalizado. A informação é do secretário municipal de Mobilidade, Fábio Mota. Ele diz que a proposta deve chegar à Câmara Municipal da capital baiana ainda este ano para ser votada pelos vereadores. A regulamentação deve ser aprovada pela Câmara e entre em vigor até o mês de fevereiro do próximo ano, antes do Carnaval.
 
Ao jornal A Tarde, Mota disse que cerca de três mil mototaxistas devem ser regulamentados, pois a prefeitura observou que, em capitais onde o sistema foi regulamentado, a proporção é de um mototaxista para cada mil habitantes. “Como temos em Salvador cerca de três milhões de habitantes, então deverão ser em torno de três mil mototaxistas regulamentados”, afirmou.
 
Para a elaboração do documento, conta Fábio Mota, foi montado um grupo de estudos na Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob). “Esse grupo visitou capitais onde o sistema foi regulamentado, pesquisou toda a legislação do Contran (Conselho Nacional de Trânsito) existente no Brasil, além de outras prefeituras”, relatou ele.
Um dos principais pontos do projeto de lei será a distância das viagens, pois não será permitido que longos trajetos sejam feitos. “Nós entendemos que o sistema de mototáxi em Salvador é feito para viagens curtas, de pouca duração e quilometragem pequena”, explica o secretário.
 
O Sindicato de Motociclistas, Motoboys e Mototaxistas da Bahia (Sindmoto-BA) informou que cerca de cinco mil destes profissionais atuam em Salvador atualmente.
Por:Bocão News
Facebook Comments