Data de Hoje
18 September 2021
Foto: Reprodução

Relação sexual com parceiro é melhor quando a mulher tem amigos homens, revela pesquisa

Atenção, mulherada! Seu namorado não está te satisfazendo plenamente na cama? Então cerque-se de amigos. É o que aponta um estudo publicado pela revista americana Journal of Comparative Psychology.

Segundo o levantamento, mulheres que têm mais amigos homens recebem de seus parceiros sexo de mais qualidade e em maiores quantidades que aquelas que se cercam de outras mulheres.

O motivo é simples: os namorados acabam desenvolvendo sentimento competitivo em relação aos amigos homens, o que faz com que eles se esforcem mais para garantir satisfação sexual delas.

Para tal conclusão, os pesquisadores entrevistaram 400 homens, que estavam em um relacionamento, e perguntaram quão atrativo eles acreditavam que suas parceiras eram, quantos amigos homens elas tinham e quão atraentes eram esses rapazes.

Ao que parece, então, o sexo é influenciado pelo ciúme. E é isso mesmo que a pesquisa mostra, pois, ainda de acordo com ela, os homens se sentem mais atraídos pelas suas parceiras quando suspeitam que elas estão sendo infiéis.

Não quer dizer, no entanto, que eles queiram ser traídos. A suspeição provoca, subconscientemente, o tal espírito competitivo, que, como já falado, torna o homem mais atencioso, digamos assim.

Convenhamos que isso não chega a ser surpresa. A gente sabe, perfeitamente, que quando os moçoilos sentem-se ameaçados, tratam logo de cuidar do seu território. Acredito, na verdade, que o mesmo vale para nós. Se nos sentimos ameaçadas, buscamos formas de continuar sendo o foco do desejo e da paixão.

Isso me leva a pensar, no entanto, sobre outra coisa: aquele famoso “só dá valor quando perde”. Porque é bem isso que acontece com muitos casais. Enquanto estão juntos, acabam se desvalorizando, um não presta atenção ao outro, não se importa com o outro. Então, eis que surge alguém que dá a atenção que está faltando…

É bom que o outro saiba que você é desejada (o) por outras pessoas? Com certeza! Isso estimula a relação? Sem dúvida! Entretanto, acho que devemos nos atentar para a proporção disso tudo. Atenção, carinho, entrega, sexo e muitas outras coisas mais devem ser constantes em uma relação.

Obviamente, pode ocorrer a intensificação disso tudo por conta de insegurança ou autoafirmação. Mas, tudo isso já precisa existir! Ou então, não será uma relação, será um grande jogo: “hoje vou deixar ele com ciúmes para ganhar beijos”, “amanhã, quero um sexo bem gostoso, então, deixa eu pensar o que será preciso fazer…”.

Em relação a ciúmes, é bom lembrar também que, da mesma forma que ele é positivo – faz a gente se sentir querido, amado, desejado – , pode ser também sufocante, desgastante e fatal para qualquer relação. Aprenda a usá-lo a seu favor! Mas isso já é assunto para uma próxima coluna.

Por Ana Flávia Lédo / Feminino e Além
Facebook Comments