Data de Hoje
5 August 2021

Relatório aponta Brasil como mais vulnerável da América Latina a tráfico e uso de cocaína

11-capsulas-de-cocaina-foram-apreendidas-com-o-casal-90234

Em torno de 183 mil mortes registradas em 2012 ocorrem devido a problemas associados às drogas. O balanço é do relatório divulgado nesta quinta-feira (26) pelo Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC). A mesma pesquisa também informou que entre 162 milhões e 324 milhões de pessoas no mundo consumiram ao menos uma vez alguma droga não permitida, como maconha, cocaína ou anfetamina. O texto afirma ainda que o Brasil, por concentrar metade da população sul-americana, é o país mais vulnerável ao tráfico e ao uso de cocaína. De acordo com um estudo de 2010 da Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (SENAD), cerca de 3% dos estudantes universitários admitiram usar cocaína em 2009. Ainda no relatório da ONU, na lista de produtos que causam mais doenças e mortes relacionadas com drogas estão os opiáceos (substâncias derivadas do ópio) e opioides (medicamentos que contam com o ópio como princípio ativo, como a morfina) estão no topo da lista de produtos que causam mais doenças e mortes relacionadas com a droga. Informações do G1.

 

Facebook Comments