Data de Hoje
3 December 2021

Rio Vermelho terá nova interdição no trânsito por oito meses

A interdição será necessária por conta das obras de revitalização do Mercado do Peixe

O trânsito será interditado na Praça Caramuru, área ao lado do Mercado do Peixe, no Rio Vermelho, por oito meses. O prazo começa a ser contado a partir desta quinta-feira (30). A interdição será necessária por conta das obras de revitalização do Mercado do Peixe.

Segundo Marcelo Correia, diretor de Trânsito da Transalvador, a interdição não afetará o Largo da Mariquita nem as ruas Monte Castelo ou Odilon Santos, na redondeza da Praça. “É uma interdição pontual no Mercado do Peixe”, afirmou.

 RTEmagicC_902dfd31f9.jpg

(Imagem: Divulgação)

Reforma custará R$ 3,2 milhões

O Mercado do Peixe vai estar de cara nova a partir do Verão de 2016. “Queremos estimular que se ocupe o espaço, não só por quem vai beber, mas por famílias”, diz. Os R$ 3,2 milhões investidos serão de recursos próprios do município. O valor será destinado à nova pavimentação, iluminação, paisagismo, além de 140 vagas de estacionamento.

O espaço disponível ao público será cerca de duas vezes maior do que o que existe agora, com 11.300 m² de área construída. Na nova área que será aproveitada (no fundo), haverá uma praça. “É uma área para contemplação, para famílias passearem, pessoas caminharem, desfrutarem da vista”, exemplifica Bastos. Ao lado dessa área, terá um heliponto, que servirá tanto para situações de resgate quanto para turismo. Só ficam de fora desse orçamento os quiosques que substituirão os boxes – uma parceria público-privada é estudada.

A área onde os boxes ficam agora será o novo estacionamento. As vagas de hoje, por sua vez, vão trocar de lugar e abrigar os quiosques. Serão pelo menos 10 – quatro de 100 m² e seis de 50 m², além de um quiosque de apoio à colônia dos pescadores, também com 100 m². “Eles não serão agrupados, como os que existem hoje. Serão distribuídos em toda a nova praça. Também serão mais leves e modernos”, adianta o arquiteto Sidney Quintela, responsável pelo projeto arquitetônico.

Ainda segundo Quintela, o novo mercado será integrado à reforma da orla do bairro. “Embora sejam obras independentes, ambas se completam. Após a conclusão, farão parte de um único conjunto urbanístico e arquitetônico”. Com investimentos de R$ 70 milhões, com recursos da prefeitura, as intervenções devem durar 28 meses.

RTEmagicC_688a44885d.jpg

Bairro está passando por obras de mudança (Foto: Divulgação)

Mudanças para a revitalização da orla

No dia 15 de junho o trânsito do Rio Vermelho foi alterado para o início da primeira etapa das obras de requalificação da orla do bairro. A Rua João Gomes, que liga os largos da Mariquita ao de Santana, está com tráfego em meia pista. Também estão interditados a Rua Almerinda Dutra e um trecho da Rua Vieira Lopes.

Já a Rua José Taboada Vidal tem fluxo invertido, estacionamento proibido e impedimento da conversão à esquerda para a Rua Canavieiras. No transporte público, dois pontos de ônibus na Rua João Gomes foram relocados.

Por: Correio

Facebook Comments