Data de Hoje
23 October 2021

Saltur planeja remanejar eventos programados no Centro de Convenções

Os eventos programados no Centro de Convenções devem ser remanejados pela Secretaria de Turismo do Estado (Saltur) para outros locais

 

Os eventos programados no Centro de Convenções devem ser remanejados pela Secretaria de Turismo do Estado (Saltur) para outros locais. Na manhã de hoje, o secretário Nelson Pellegrino, vai ser reunir com empresários da Arena Fonte Nova, para se chegue a um consenso para a transferência dos eventos para o equipamento no centro da cidade. “Já havíamos feito uma visita lá e vimos que o espaço tem plenas condições de realizar uma série de eventos”, salientou.

Outro espaço que estaria à disposição para a realização de eventos seria o Parque de Exposições, também na Avenida Paralela. O secretário informou até que o governador Rui Costa já teria autorizado a readaptação de dois galpões com a colocação de pisos de alta resistência o que daria a oportunidade do local recepcionar eventos na capital baiana. Por outro lado, reconheceu que a falta de espaços como esses, em Salvador, é uma situação que não deveria ter chegado ao ponto que chegou. “Mas, o nosso intuito é de enfrentar o problema e, inclusive, o governador Rui Costa já autorizou a fazer as obras para que o Centro de Convenções volte a funcionar. Além disso, uma comissão foi criada na modelagem do novo centro que deverá ser construída no bairro do Comércio”, analisou.

Quanto ao antigo equipamento, que fica no bairro do Stiep, as obras de emergência devem começar até o final deste mês e realizadas pela Supat, ao custo inicial de R$ 4,2 milhões e prazo de dois meses para a conclusão. Serão feitas trocas de vigas, recuperação das torres, estruturas metálicas e placas.

Antiga Casa de Shows
Com a cada vez maior falta de espaço para realização de eventos e shows em Salvador – e agora com o fechamento do Centro de Convenções que vai passar por obras emergenciais – o Governo do Estado busca alternativas para tentar evitar prejuízos na economia e no turismo do estado. Lugares como o Parque de Exposições, Arena Fonte Nova e o espaço onde funcionava o antigo Bahia Café Hall, na Paralela, estão entre os apontados como equipamentos que devem receber atrações em breve.
De acordo com  Nelson Pelegrino, conversas já foram realizadas com Jorge Portugal, titular da cultura, no sentido de transformar a casa de shows – que voltou a ser administrada pelo estado em abril deste ano – em um espaço cultural. “Estamos analisando o que fazer. Uma das sugestões é entregar para o pessoal da cultura e termos a possibilidade de compartilhar o equipamento, também para o turismo”, comentou.

Os secretários ficaram de formatar uma proposta para apresentar ao Governador do Estado, Rui Costa, o que deve ser feito até o final do mês. Nesta semana, Pelegrino, Portugal e uma equipe de engenharia do governo devem ir até o local avaliar a situação do equipamento que está desativado desde então e precisará passar por adaptações. “Temos que discutir também, além disso, a questão da sustentabilidade do local, que é muito importante neste caso”, disse.

As obras devem ser realizadas pela Superintendência de Patrimônio do Estado da Bahia (Supat) ou pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder), a depender do valor estimado. “Apesar de que acredito que não tenha muita coisa a se fazer lá, mesmo com o antigo arrendatário tendo retirado muita coisa”, contou Pellegrino, sem dar previsão de quando o espaço deveria funcionar novamente.

Facebook Comments