Data de Hoje
21 June 2021

Salvador foi a cidade-sede com maior aumento no preço da cerveja, diz pesquisa

cerveja

O aumento foi 25,09%

Com a Copa do Mundo, a indústria cervejeira brasileira produziu 3,2 bilhões de litros da bebida apenas no segundo trimestre deste ano, volume 12% maior que o produzido no mesmo período do ano passado, segundo dados da Associação Brasileira da Indústria da Cerveja (CervBrasil), obtidos com exclusividade pelo Broadcast, serviço de notícias em tempo real da Agência Estado.

Com o aquecimento na demanda, os preços aumentaram consideravelmente de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Isso significa que os 64% dos torcedores que consomem cerveja habitualmente terão que pagar mais caro pela bebida.

A prévia da inflação oficial de junho, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo – 15 (IPCA-15) mostra que a cerveja comprada nos supermercados está 10,29% mais cara para o consumidor no mês do mundial do que há um ano. Em cidades-sede, como Salvador, o aumento em 12 meses chega a 25,09%. No Recife, os torcedores estão pagando 19,85% a mais, e, no Rio, 16,88%. Se consumida em bares e restaurantes, está custando 13,18% mais.

Facebook Comments