Data de Hoje
31 July 2021

Será que está grávida? Saiba as primeiras mudanças no corpo feminino

O início da gestação é um estado de descoberta para as mulheres, afinal, quando o corpo começa a emitir os primeiros sinais de que há um bebê sendo gerado no ventre. Seria possível sentir ou notar esses alertas? Sim!

Especialistas da área da saúde afirmam que já nas primeiras semanas ocorre uma série de mudanças hormonais que interferem na aparência física, paladar e emocional da mulher.

As mudanças mais evidentes surgem a partir da 12ª semana de gestação, embora o inchaço e pequenos desconfortos possam aparecer no 8º mês gestacional, afirma o portal de saúde e maternidade, Trocando Fraldas. Para as mamães de primeira viagem o início da gravidez pode ser mais discreto e geralmente demora um pouco para ser perceptível, já a partir da segunda gestação o corpo feminino se desenvolve de modo mais rápido.

Quais são as principais mudanças no início da gravidez?

Acompanhada das temidas náuseas a gravidez traz uma série de curiosidades e sintomas. Nem todas as mulheres percebem ou obtém esse conhecimento, mas a temperatura do corpo é fortemente afetada no período gestacional. Portanto, é bastante comum a sensação de calor repentino, principalmente na região das mãos e pés.

A transformação hormonal que ocorre nesse período é responsável pelos enjoos, náuseas, vômitos e bastante azia. As dores, embora pouco comentadas, podem afetar as mulheres ainda nas primeiras semanas. Cólicas, sensação de peso na região lombar e desconforto nas penas passam a fazer parte da rotina da gestante. Especialistas salientam que esses sintomas são semelhantes ao período pré-menstrual.

Não conseguir comer alimento preferido!

Esse é outro sinal emitido logo nas primeiras semanas. Aquele alimento que não conseguia viver sem, vai passar a não suportar ouvir o nome ou pior ainda, o cheiro. Café, alho e opções com odor forte geralmente são descartadas pela mulher gestante. No entanto, isso não é uma regra. Há mulheres que não possuem queixas de enjoar os alimentos e tiveram uma gestação mais tranquila em relação a isso.

Ir mais vezes ao banheiro

E isso inclui tanto a necessidade de urinar, como evacuar. O aumento do útero comprime regiões como a bexiga e intestino, causando uma série de mudanças, como no horário que costumava evacuar, consistência das vezes e necessidade de ir ao banheiro mais vezes.

Após as primeiras semanas de sintomas pouco perceptíveis, iniciam-se as transformações físicas e o tão esperado crescimento da barriga. É comum nessa fase a mulher apresentar uma forma física mais arredondada, rosto mais cheio e aumento de peso.

Facebook Comments