Data de Hoje
2 December 2021

Severino Cavalcanti diz que ‘Câmara piorou muito’

934

 

Acusado de receber propina do dono de um restaurante da Câmara Federal, o ex-presidente da Casa, Severino Cavalcanti (PP-PE), foi obrigado a renunciar ao mandato para fugir da cassação. Em entrevista a Folha, ele diz que a situação do legislativo piorou muito desde a sua saída em 2005. Ele faz referência a Eduardo Cunha (PMDB-RJ), acusado por um delator da Lava Jato de ter recebido US$ 5 milhões em propina.

Caso o Ministério Publico oferece à Justiça denúncia contra Cunha, Severino diz que é a favor de que ele seja caso. “Se não renunciar, os demais deputados deveria cassar o mandato dele. Se for provado o recebimento de propina”, disse à Folha.

Facebook Comments