Data de Hoje
22 June 2021

Soldado acusado de matar surfista é expulso da Polícia Militar

O soldado, Luís Paulo Mota Bretano, acusado de matar a tiros o surfista Ricardo dos Santos, o Ricardinho, foi expulso da Polícia Militar do estado de Santana Catarina. A informação foi confirmada nesse sábado (12). O crime aconteceu na cidade de Palhoça, região metropolitana de Florianópolis, em janeiro deste ano.

Segundo publicação do Terra, a PMSC recusou o recurso do acusado, ratificando a decisão tomada em julho. Na ocasião, a polícia afirmou que a conduta do agente não foi “compatível com o valor, a ética e a disciplina” de um soldado. Com isso, todos os recursos que poderiam ser feitos por Bretano foram recusados com a decisão desse sábado. No entanto, o processo judicial segue em trâmite.

O Tribunal de Justiça de Santa Catarina optou pela manutenção da prisão do ex-soldado, ignorando o pedido de habeas corpus. O acusado, porém, segue no 8º Batalhão da Polícia Militar de Joinville.

Facebook Comments