Data de Hoje
31 July 2021
Engenheiro estava desaparecido desde o último dia 23 de maio/ Foto reprodução

Suspeito de envolvimento na morte do engenheiro será apresentado pela Polícia Civil nesta sexta-feira (2)

Um suspeito de envolvimento na morte do engenheiro Nivaldo Castor de Cerqueira foi preso e será apresentado pela Polícia Civil na tarde desta sexta-feira (2), em Salvador. A polícia não informou quando e onde foi feita a prisão. Nivaldo estava desaparecido desde o dia 23 de maio, quando foi visto deixando um funcionário em um supermercado da Avenida ACM, na capital baiana, e teve o corpo encontrado em Simões Filho, na região metropolitana.

A polícia disse que Deijailton Soares dos Santos, conhecido como “Bruno Ilha”, é suspeito de envolvimento em crime de latrocínio contra o engenheiro, quando se mata por intenção de roubar. No entanto, ainda não foi detalhado como o engenheiro foi morto e qual a participação do suspeito preso. O caso é investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

O corpo do engenheiro foi localizado em Simões Filho, na noite de quinta-feira (1º), por policiais militares da 22ª Companhia Independente (CIPM). Os PMs foram acionados pelo Centro Integrado de Comunicações (Cicom), no bairro de Góes Calmon, e quando chegaram ao local, encontraram o corpo. Ele foi identificado por meio de digitais pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Facebook Comments