Data de Hoje
24 September 2021

Tandara está fora das Olimpíadas por “potencial violação” do antidoping

Foto: Reuters/ Reprodução GE

A seleção brasileira de vôlei feminino teve um importante desfalque para a fase final das Olimpíadas de Tóquio. A oposta Tandara foi suspensa na noite da quinta-feira (5), após anuncio do Comitê Olímpico do Brasil (COB). Segundo o comunicado, a jogadora cometeu “potencial violação da regra antidopagem” em exame realizado dia 7 de julho no centro de treinamento da CBV em Saquarema.

O COB não informou qual foi o tipo de violação cometido pela atleta nem se foi encontrada alguma substância proibida no exame da jogadora de 32 anos. O Comitê disse apenas que recebeu uma notificação da Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD) na última madrugada.

A seleção brasileira não corre riscos de sofrer punições por conta da suspensão de Tandara. Em esportes coletivos, o país só é punido em caso de três atletas ou mais forem flagrados em exame antidoping. Como o exame de Tandara foi feito em período fora de competições, não há a possibilidade de punição à seleção.

A suspeita de resultado adverso é sobre remédio para controle menstrual.

Tandara retornará ao Brasil ainda nesta sexta-feira (6). A previsão é que a jogadora chegue a São Paulo na tarde deste sábado (7).
A seleção brasileira enfrenta a Coreia do Sul pela semifinal, às 9h, desta sexta.
Muita informação

Facebook Comments