Data de Hoje
14 June 2021

URGENTE: Após “vaquinha”, ex-jogador Edilson paga dívida de pensão alimentícia

Jogador está preso na sede da Polinter desde a última quarta (26)

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

r

O ex-jogador baiano Edilson, o Capetinha, foi liberado da prisão no início da noite desta sexta-feira (28). De acordo com o advogado do atleta, Thiago Phileto, ele pagou a dívida de pensão alimentícia à Justiça. Desde a última quarta (26), ele esteve preso na sede da Polinter, onde dividiu cela com mais dois homens presos pelo mesmo motivo.

Pela manhã, amigos de Edilson, resolveram fazer uma “vaquinha” para ajudar a arrecadar o valor total necessário para o jogador ser liberado da prisão, após ser preso por não pagar pensão alimentícia. O valor cobrado pela Justiça é de pouco mais de R$ 122 mil e a “vaquinha” chegou a somar R$ 102 mil.

Entenda o caso

De acordo com a Polícia Interestadual (Polinter), o Edilson não resistiu à prisão. O caso já vinha sendo acompanhado desde dezembro do ano passado. Um dos mandados cumprido foi da 9ª Vara da Família (Salvador), e outro foi da 2ª Vara de Brasília (Distrito Federal).

A prisão foi efetuada enquanto o jogador passava pela Avenida Anita Garibaldi. Edilson, está detido na sede da Polinter, nos Barris, já foi preso em outra ocasião também por não pagar pensão. Ele pode ficar preso por até 60 dias até que quite a dívida ou entre em acordo com as partes

Facebook Comments