Data de Hoje
20 April 2021
Foto: Agecom

Vândalos destroem 25 lixeiras no Jardim de Alah só neste fim de semana

Vinte e cinco papeleiras no bairro de Jardim de Alá foram destruídas por vândalos durante o fim de semana, elevando para 645 o número de equipamentos vandalizados de janeiro até agora. Segundo a  Empresa de Limpeza Urbana (Limpurb), o prejuízo já passa dos R$ 101 mil. Depredações desse tipo prejudicam diretamente a população, já que o dinheiro gasto para repor os equipamentos poderia ser investido em novas papeleiras.

“Esses equipamentos estão instalados, principalmente, em áreas onde há grande número de pedestres. Por exemplo, em praças, pontos de ônibus e em centros de comércio. A partir do momento que a Prefeitura faz um esforço para instalar essas papeleiras, os vândalos vêm e destroem, e a população fica prejudicada”, lamenta o presidente da Limpurb, Kaio Morais.

O presidente recomenda que os cidadãos zelem e denunciem os casos de vandalismo. “Acredito que a população tem que zelar por todo equipamento público e todo investimento que é feito na cidade. A papeleira se torna a auxiliar da limpeza urbana, e nós, como cidadãos, é quem pagamos, então, temos que preservar”.

Para denunciar casos de vandalismo em equipamentos da Limpurb, basta entrar em contato através das redes sociais ou pelo site www.limpurb.salvador.ba.gov.br, podendo também ligar para o número 3202-5000.

Click Notícias

Facebook Comments