Data de Hoje
18 October 2021
Foto: Reprodução

Veja dicas infalíveis para se livrar das celulites

Problema atinge 85% a 98% das mulheres após a puberdade, de todas as raças
Quer uma boa ou uma má notícia primeiro? Vamos de notícia ruim para aliviar depois… Não tem jeito: a celulite, que é caracterizada pelo aspecto ondulado da pele de algumas áreas do corpo, atinge 85% a 98% das mulheres após a puberdade, de todas as raças, embora mais as brancas sejam as mais afetadas.
Mas e agora? Como se livrar daquela celulite chata, que te incomoda, não te deixa vestir a roupa dos seus sonhos ou aquele biquini para ir à praia? Veja dicas infalíveis a seguir:

Coma Bem!

Não tem jeito! O caminho para eliminar os furinhos começa pela alimentação. “Ter uma alimentação saudável é a melhor maneira de prevenir o acúmulo de gordura, que predispõe o organismo às inflamações e à retenção de líquido, levando ao aparecimento da celulite”, diz a nutricionista da Sabor Integral Consultoria em Nutrição, Paula Castilho. Evite alimentos gordurosos e cheios de açúcar, assim como “os industrializados, ricos em sal, conservantes e produtos químicos, que pioram o acúmulo de líquido”, complementa Paula. Apostar também em uma dieta rica em frutas — cerca de 3 por dia — e alimentos integrais nas principais refeições: “Eles evitam a absorção de gordura, o acúmulo de líquidos no corpo e ainda o processo inflamatório”, explica a Nutricionista Clínica Funcional e Esportiva, Robena Molinari, do Rio de Janeiro.

Mexa-se!

Chega de ficar parada esperando o corpo maravilhoso cair do céu. Bora sacudir esse esqueleto e, de quebra, ficar livre dos furinhos? “Praticar atividades aeróbicas – como natação, caminhada ou bicicleta – de 3 a 4 vezes por semana, por cerca de 40 minutos, é uma ótima forma de ativar a circulação linfática”, afirma o dermatologista Marcelo Bellini, de São Paulo. Os localizados ou anaeróbicos, como a musculação, também não ficam de fora! Eles vão atuar na queima da gordura localizada, onde geralmente se instala a celulite. Tenha perseverança e faça as repetições com disciplina e dedicação.

Xô, cigarro!

Além de fazer muito mal à saúde, ele ainda é um prato cheio para deixar o seu bumbum mais propício à celulite. “O cigarro prejudica a circulação, diminuindo a quantidade de oxigênio e nutrientes, agravando a inflamação”, explica a fisioterapeuta dermato-funcional da Onodera (SP), Ingrid Peres.

Álcool não pode…

“Beber em excesso faz o corpo produzir grandes quantidades de radicais livres, que são moléculas instáveis que reagem oxidando e danificando as células, além de impedir a absorção de nutrientes”, afirma Robena. O que vale é uma tacinha de vinho de vez em quando. “Ele tem antioxidantes, que combatem os radicais livres e é rico em flavonoides com propriedades anti-inflamatórias”, explica a nutricionista, além de ser delicioso no encontro com amigos ou com o gato, né? “Mas não ultrapasse 1 taça por dia”, avisa Marcelo.

Bebeu água?

Tomar pelo menos 2 litros de água – fracionados – durante o dia é obrigatório a partir de agora, ok? “Além de ajudar a eliminar toxinas, diminui a acúmulo de líquidos na gordura localizada”, explica a esteticista e diretora da Clínica de Arthys (RJ), Estela Cardoso.

Mude os hábitos

Pequenas mudanças no seu dia a dia podem fazer uma diferença in-crí-vel! O excesso de salto alto, assim como profissões que exigem muito tempo na mesma posição – prejudicam a circulação e aumentam, sim, a predisposição para o aparecimento da celulite. Para amenizar os efeitos maléficos, “Intercale o salto com sapatos baixos, levante da cadeira a cada duas horas, use as escadas, ande mais a pé, pare o carro em uma vaga distante do seu trabalho. Com pouco esforço, você melhora a circulação”, afirma Thais. Ela ainda completa: “Roupas muito justas não causam celulite, mas podem piorar seu aspecto, pois prejudicam o retorno venoso, resultando em inchaço”.

Olha o cafezinho…

Quem não ama um café cheiroso e quentinho logo pela manhã ou no meio da tarde? Mas vamos com calma: “A cafeína em doses altas prejudica a microcirculação e aumenta o estresse orgânico”, alerta Molinari. Em pequenas doses, de 3 a 4 xícaras por dia, segundo Marcelo, pode ser um supertermogênico. “A substância metil-xantina faz a gordura de dentro da célula ser usada como combustível”, explica Ingrid.

Relaxe

Robena conta que, quando estamos em momento de estresse, o organismo libera cortisol e insulina para dar energia, aumentando o nível de glicose disponível, o que compromete a microcirculacão. Por isso, é importante relaxar para manter essa vilã bem longe de você. Faça uma automassagem, diariamente, nas pernas, bumbum e barriga.

iBahia e Bolsa de Mulher
Facebook Comments