Data de Hoje
23 September 2021
Foto: Mara Silvany /Click Notícias

VEJA O VÍDEO: EM PLENO ANIVERSÁRIO DA CIDADE PREFEITO É CHAMADO DE TRAIDOR

Cerca de 100 servidores da saúde do município de Salvador fizeram uma manifestação na manhã desta terça-feira (29) durante a reinauguração da “Nova Estação de Transbordo Clériston Andrade”, mais conhecida como Estação da Lapa por onde passam diariamente quase meio milhão de pessoas. A entrega do terminal de transbordo está na programação dos festejos em comemoração aos 467 anos de fundação de Salvador.

Entretanto, nem todos estão de agrado com a administração do prefeito da cidade, ACM Neto, por conta do não pagamento do piso salarial dos servidores da saúde que estão de braços cruzados e realizaram um ato para cobrar da prefeitura a negociação da pauta de reivindicações.

Foto: Mara Silvany/Click Notícias

Foto: Mara Silvany/Click Notícias

Durante o discurso do chefe municipal, palavras de ordem como “traidor” foram pronunciadas pelos manifestantes, que ainda citaram o nome da empreiteira Odebrecht, fazendo uma associação com a recente lista da empresa que mostra ACM Neto como um dos beneficiados em campanhas eleitorais.

Segundo o manifestante, Enadio Nunes Pinto, o prefeito pagou para algumas pessoas demostrarem apoio ao discurso que a Estação da Lapa está melhor, quando comparada ao passado. “O prefeito pagou R$ 50 para essas pessoas que estavam aplaudindo seu discurso. O prefeito é um traidor, pois gasta milhões em publicidade e esquece que fazer obras significativas na cidade”, desabafou.

Foto: Pedro Moraes/Click Notícias

Foto: Mara Silvany/Click Notícias

Para conter os ânimos dos manifestantes no final da reinauguração, seguranças da comitiva que acompanha o prefeito dispararam spray de pimenta para dispersar a multidão, causando ainda mais confusão, porque idosos, estudantes, crianças e pessoas que estavam passando no momento foram atingidas.

VEJA OS VÍDEOS:

https://www.youtube.com/watch?v=8hIUOsko2vw

 

https://www.youtube.com/watch?v=Id1da3O9Hig

 

Por Pedro Moraes/Click Notícias
Facebook Comments