Data de Hoje
20 June 2021
Vereador Palhinha (DEM) | Foto: Mara Silvany

Vereador Palhinha fala sobre a greve dos bancos que atinge 1.016 agências na Bahia

Em greve desde o dia 6 de outubro, os bancários baianos realizam nova assembleia nesta segunda-feira (19). Segundo a categoria, o objetivo é avaliar o andamento da paralisação no estado e traçar novas estratégias para mais uma semana de greve. A reunião acontece às 18h, no Ginásio de Esportes da categoria, na Ladeira dos Aflitos, Centro de Salvador.

De acordo com a estimativa do Sindicato dos Bancários, 1.066 agências fecharam no estado devido à greve dos trabalhadores do setor. Em Salvador, 276 unidades deixaram de funcionar.

Há mais de 14 dias em greve, a Câmara dos Vereadores discutiu sobre o assunto que está atingindo toda a população de Salvador.

O tema foi abordado da Tribuna Popular pelo presidente do Sindicato dos Bancários da Bahia, Augusto Vasconcelos, onde criticou os banqueiros por não valorizarem os trabalhadores, nem investirem na melhoria do atendimento ao público, apesar do segmento bancário ser o que mais lucra com a crise econômica.

O vereador Orlando Palhinha (DEM) falou com a nossa equipe após seu pronunciamento, no qual fez um apelo à categoria, no sentido de manter pelo menos os 30% de atendimento ao público para beneficiar os idosos e pensionistas, maiores usuários da rede física.

Em visita ao Subúrbio Ferroviário a população pediu que ele defendesse o que diz a lei sobre 30% de funcionamento para que a população não seja prejudicada como está sendo. “Quando acontece uma greve desse tipo, a população idosa, dentre outras, fica sem segurança dentro dos bancos, se prejudicam para pagar suas contas e ficam sem receber seu dinheiro para poder suprir suas necessidades”, disse.

Ressaltou que não é contra a greve, “a greve é pertinente, os banqueiros ganham muito dinheiro, bilhões, e deveria dá um salário melhor. A maioria dos gerentes de bancos, hoje em dia, não quer mais exercer a função, por estado depressivo, devido a sequestros, assaltos nas agências, por que os bancos não têm investido na qualidade para com seus funcionários, principalmente na segurança”, concluiu o vereador.

Por Mara Silvany/ Click Notícias
Facebook Comments