Data de Hoje
25 June 2024
Vereadora irá processar Marcell Moraes: “O que ele cometeu é crime, não posso ser alvo de ações criminosas’’ / Foto: Reprodução

Vereadora irá processar Marcell Moraes: “O que ele cometeu é crime, não posso ser alvo de ações criminosas’’

A vereadora Ana Rita Tavares (PMB) resolveu processar o deputado Marcell Moraes (PV), após insinuar em uma conversa de WhatsApp, que a edil tinha relação com um suposto trote ao Samuvet. Durante uma entrevista Ana Rita afirmou que “não pode ficar sendo alvo dessas ações criminosas”.

“O que ele cometeu é crime. Eu não vou ficar sendo alvo do que ele articula contra mim. Tenho um trabalho sério, respeitado, não posso ficar sendo alvo dessas ações criminosas”, disse, esclarecendo que tomará providências contra o deputado. “Vou conservar com o meu jurídico e devo entrar na justiça”.

Sobre as supostas conversas que estão circulando nas redes sociais, a vereadora afirmou que ficou bem claro o propósito do deputado expor a imagem dela diante o eleitor. Ela ainda completou contando que não foi a primeira vez que algo assim aconteceu. “Existe um direcionamento de ações desse tipo contra mim. Inclusive em outras oportunidades ele cita meu nome”.

Nas conversas, após acusar uma ex-funcionária de passar trotes para o Samuvet, Marcell Moraes pede para sua equipe fazer um texto a fim de ser publicado nas redes sociais. “Insinuar que é inveja de alguns políticos, principalmente uma vereadora de Salvador”, escreve o parlamentar.

Com informações Varela Notícias