Data de Hoje
15 April 2021
Foto reprodução- Varela Notícias

SOCORRO PREFEITO! Recém-inaugurada Unidade de Saúde da Família no Vale do Matatu está sem atendimento

Ultimamente as reclamações sobre as UPAs e Unidades de Saúde administradas pela prefeitura estão sendo constantes, o prefeito em seus discursos inflamados cita as inaugurações com orgulho, garantindo atendimento “vip” para o povo, porém logo após as “inaugurações” seja UPA ou posto médico moradores não conseguem ser atendidos.

UPA E UNIDADE DE SAÚDE ESTÃO SEM:  remédios, materiais para atendimento, médicos, profissionais com salários atrasados, sem especialidades.

SAIBA MAIS SOBRE A DEFICIECIA DA SAÚDE MUNICIPAL AQUI—> CRISE NA SAÚDE MUNICIPAL: UPA DE ITAPUÃ SUSPENDE ATENDIMENTO POR FALTA DE MEDICAMENTO

MORADORES DO SUBÚRBIO SE MANIFESTAM PEDINDO A RETIRADA DO IMCB QUE DESVIOU 75 MILHÕES DAS UPAS MUNICIPAIS

PACIENTE DENUNCIA FALTA DE MEDICAMENTOS EM UNIDADE DE SAÚDE NO BAIRRO DE SUSSUARANA

MORADORES DA SANTA MÔNICA RECLAMAM POR FALTA DE MEDICAMENTOS E MÉDICOS EM UNIDADE DE SAÚDE

UPA DOS BARRIS PARALISA FUNCIONAMENTO POR ESTADO NÃO PAGAR FUNCIONÁRIOS

NETO CUMPRE O QUE PROMETE? RECÉM INAUGURADA, UPA DE PARIPE TEM DEFICIÊNCIA DE SERVIÇOS ESSENCIAIS

A Unidade de Saúde da Família, localizada na conhecida como Baixa do Tubo, localizada no bairro de Vale do Matatu pede socorro e cobra explicações. Inaugurada há dois meses pelo prefeito ACM Neto, o posto é especializado em odontologia, segundo informações após a cerimônia de inauguração, nenhum dentista sequer pôs os pés em um dos sete consultórios.

A informação que tem é que não há previsão para atendimento odontológico. São sete consultórios com todo o material de suporte e que continuam fechados. Só atendem médicos clínicos e enfermeiros. Uma dupla por dia. São eles que definem quantas fichas serão distribuídas. Entre 30 e 40 por dia, afirma um leitor e fonte ligada ao site.

Para que os moradores do bairro possam agendar suas consultas, dentro destas duas especialidades, é preciso apresentar comprovante de residência. Cada rua tem dia e horário de agendamento pré-definido. As senhas são distribuídas somente pela manhã, segundo a recepcionista da unidade. Com funcionamento previsto entre 8h e 17h, não raro um dos médicos é visto sentado na recepção enquanto a sala de espera está vazia. Uma situação que não passa despercebida pelos moradores.

Segundo uma moradora são poucas senhas distribuídas a tarde parece um deserto, fica vazio acrescentou a informação dizendo que a unidade está sem pediatra, até o momento moradores não sabem quando irá ter um dentista, para quem precisa de atendimento para os olhos, a unidade também está sem oftalmologista. “

Nossa equipe tentou contato com a Secretaria de Saúde do município para esclarecimentos, porém até o momento nenhuma informação.

 

Click Notícias

Facebook Comments